BIBLIOTECA

Destaques do mês  – Dicas de Leitura 

Junho / 2018

As Crônicas de Nárnia – Volume único
C. S. Lewis

Viagens ao fim do mundo, criaturas fantásticas e batalhas épicas entre o bem e o mal. Este livro apresenta as sete crônicas de Nárnia integralmente, num único volume. Os livros são apresentados de acordo com a ordem de preferência do autor, cada capítulo com uma ilustração do artista Pauline Baynes. ‘As crônicas de Nárnia’ apresenta aventuras, personagens e fatos que falam aos leitores de todas as idades.

Recomendado a partir de 11 anos.

 

 

 

Neuromancer
William Gibson

O Céu sobre o porto tinha cor de televisão num canal fora do ar.   Considerada a obra precursora do movimento cyberpunk e um clássico da ficção científica moderna, Neuromancer conta a história de Case, um cowboy do ciberespaço e hacker da matrix. Como punição por tentar enganar os patrões, seu sistema nervoso foi contaminado por uma toxina que o impede de entrar no mundo virtual. Agora, ele vaga pelos subúrbios de Tóquio, cometendo pequenos crimes para sobreviver, e acaba se envolvendo em uma jornada que mudará para sempre o mundo e a percepção da realidade.   Evoluindo de Blade Runner e antecipando Matrix, Neuromancer é o romance de estreia de William Gibson. Esta obra distópica, publicada em 1984, antevê, de modo muito preciso, vários aspectos fundamentais da sociedade atual e de sua relação com a tecnologia.

Recomendado para público jovem e adulto.

 

Além da montanha
Renato Moriconi

Conta a lenda que uma jovem foi obrigada a se casar com um homem a quem ela não amava e que no dia de seu casamento fugiu e se escondeu em uma alta montanha da região. Dizem que a camada branca que recobre o topo não é outra coisa senão a cauda de seu longo vestido de noiva que atrairá curiosos de todas as partes do mundo. Até que um destemido alfaiate decide arriscar a própria vida para alcançar seu maior objetivo: tocar o mais perfeito véu que seus olhos já viram. Mas nem tudo acontece como ele planejou… pois nem tudo o que vemos e entendemos corresponde à realidade.

 Com explícitas referências ao cinema, toda a narrativa é construída sobre uma mesma imagem fixa que vai ganhando novos significados a partir das relações que o leitor estabelece entre o texto e os elementos gráficos – colagens, pintura, diagramação, cor de fundo – que vão atribuindo novos sentidos à narrativa a cada virada de páginas.

Recomendado a partir de 7 anos.